quarta-feira, 28 abril 2021 23:18

Projeto FITescola

Classifique este item
(1 Vote)

A Escola Secundária Prof. Dr. Flávio F. Pinto Resende uniu-se ao projeto FITescola® tendo aplicado a bateria de testes, resultado de um trabalho colaborativo muito frutuoso e que permitiu criar as semanas do FITescola (1º período) e ainda, através do seu “relatório final”, descrever os níveis de aptidão física dos alunos da Escola Secundária Prof. Dr. Flávio F. Pinto Resende; comparar o nível de aptidão física dos alunos em cada sexo e determinar o efeito da idade nos resultados obtidos nos testes de aptidão física. Embora o projeto tenha sido interrompido pelas contingências inerentes à situação epidemiológica do país, conseguimos retirar algumas e importantes conclusões.

Estas são as suas principais conclusões retiradas do “Relatório final do projeto FITescola® da ES Prof. Flávio F. Pinto Resende” e demais relatórios retirados da aplicação do FITescola®:

Os rapazes apresentam níveis superiores de aptidão física relativamente às raparigas nas provas com maior incidência da aptidão aeróbia, aptidão neuromuscular nas suas vertentes de força abdominal, força de resistência dos membros superiores, força explosiva e velocidade. As raparigas apresentam valores superiores na flexibilidade, se bem que não tão elevados quanto o esperado pela literatura.

Em temos conclusivos interessa realçar que a nossa escola apresenta resultados muito baixos na composição corporal, aptidão neuromuscular (flexões de braços, velocidade 20 m e flexibilidade de membros inferiores), pelo que o aumento da atividade física será fundamental para poder inverter esta tendência.

É fundamental que o projeto FITescola continue e se aprofunde no próximo ano letivo, aliado a novos projetos de desenvolvimento de estilos de vida saudáveis perfeitamente realizáveis em contexto de domínios de autonomia curriculares.

 

Coordenador do FITescola

Lido 60 vezes Modificado em quarta-feira, 28 abril 2021 23:20