segunda-feira, 09 dezembro 2019 23:47

Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, vamos imaginar…

Classifique este item
(0 votos)

Bibliotecas escolares, lugar por excelência da vivência de uma cidadania ativa e participada, educação ambiental e imaginação. Por isso, o repto foi “vamos imaginar…novas formas de contribuir para a prossecução dos dezassete Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)”.

A nível local, importa centrarmo-nos na realidade mais próxima dos alunos, no caso, o Vale do Bestança, eleito um dos dez melhores do Portugal Natural e, consequentemente, um património valioso que urge preservar e transmitir às futuras gerações. Neste âmbito, quem melhor do que o Dr. Jorge Ventura, Presidente da Associação para a Defesa do Vale do Bestança, conhecido advogado de Cinfães, um homem das letras, da escrita, da fotografia, para nos ajudar a compreender melhor a dimensão da riqueza e diversidade do vale do Bestança e de que forma o proteger. A sessão foi encabeçada por um momento musical, brilhantemente executado pelos alunos do Curso Instrumentista de Sopro e Percussão e concluída com uma pequena mostra e prova de deliciosos produtos confecionados pelos alunos do 9.º CEF de Pastelaria e Panificação. Durante a sessão, um interessante vídeo lançou o debate, animado pelas perguntas dos alunos, movidos pelo interesse de proteger a integridade e a identidade cultural deste precioso património.

Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, ocasião também para os alunos, pensando na Biblioteca, exercitarem a sua criatividade produzindo pequenas frases, iniciadas por “Vamos imaginar…”. No placard, estas mensagens dão as boas-vindas à nossa Biblioteca, deixando o convite para que ao longo do ano letivo continuemos a imaginar, à boleia das palavras!

Lido 83 vezes