segunda-feira, 23 dezembro 2019 01:15

Centenário do Nascimento de Sophia

Classifique este item
(0 votos)

De seu nome Sophia de Mello Breyner Andresen, figura de relevo da poesia portuguesa do século XX, nascida no Porto, há exatamente cem anos.

Sendo, nas suas próprias palavras, «a terra, o sol, o vento, o mar a [sua] biografia e o [seu] rosto» e a sua escrita, muito permeada pelo mundo náutico, escolhemos o mar como pano de fundo da nossa singela e justa homenagem à exímia escritora.

Na biblioteca, uma pequena instalação alusiva ao mar; uma exposição de ilustrações de poemas da autora, brilhantemente executados pelos alunos do 9.º ano; duas magníficas telas reproduzindo o rosto da escritora… uma sessão comemorativa. Depois de um belíssimo momento musical executado pelos alunos do 3.º ano do Curso Instrumentista de Sopro e Percussão, as turmas 1.º G e F encenaram uma entrevista a Sophia, onde não faltou a declamação de poemas por elementos da comunidade educativa e até um apontamento sobre o tabaco, ou não fosse Sophia uma grande fumadora. A sessão terminou com o vídeo “Sophia, a menina do mar” e o “Poema Azul” cantado por Maria Betânia. A iniciativa encerrou com o belo bolo de coco da responsabilidade dos alunos do Curso CEF- Pastelaria e Panificação.

Uma vez que “a melhor homenagem a Sophia é ler, olhar ou ouvir os seus poemas, apreciando cada palavra e cada verso”, vamos continuar a homenageá-la sempre!

Lido 72 vezes